Responsive Ad Slot

Últimas Notícias

latest

Briga entre detentos tem tiros e três feridos em presídio do Complexo do Curado

26/01/2020

/ por casinhas agreste
Secretaria de Ressocialização informou que arma foi apreendida. Homens foram encaminhados para o Hospital Otávio de Freitas, no Recife.
 G1 PE
Uma briga entre detentos teve tiros e resultou em três presos feridos, neste sábado (25). Segundo a Secretaria Executiva de Ressocialização (Seres), a confusão aconteceu no presídio Frei Damião de Bozzano (PFDB), no Complexo do Curado, na Zona Oeste do Recife. Uma arma foi apreendida.

Os possíveis motivos da briga não foram informados. Testemunhas relataram ter ouvido os sons de tiros do lado de fora da unidade prisional, que fica localizada no bairro do Sancho.

Os homens feridos foram identificados como Jardeson Marconi da Silva, Wanderson José da Silva e José Remison Santos da Silva. Eles foram encaminhados para atendimento hospitalar no Hospital Otávio de Freitas, em Tejipió. Os detalhes do estado de saúde deles não foram divulgados.

A Seres informou que a unidade prisional investiga as circunstâncias do incidente. "Os envolvidos, após o atendimento hospitalar, serão encaminhados à delegacia e submetidos ao Conselho Disciplinar da unidade", disse em nota.

Crimes em unidades prisionais
Pistola, revólver, munições, celulares e drogas foram encontradas no Presídio Frei Damião de Bozzano, no Recife, em 2019 — Foto: Seres/DivulgaçãoPistola, revólver, munições, celulares e drogas foram encontradas no Presídio Frei Damião de Bozzano, no Recife, em 2019 — Foto: Seres/Divulgação
Pistola, revólver, munições, celulares e drogas foram encontradas no Presídio Frei Damião de Bozzano, no Recife, em 2019 — Foto: Seres/Divulgação


No dia 16 de janeiro, uma pistola e dois carregadores foram apreendidos durante uma revista no mesmo presídio. Na ocasião, os agentes penitenciários localizaram também 84 munições de calibre 45.

De acordo com a Seres, em 2019, houve uma redução de 33% no número de crimes violentos que resultaram em mortes nas unidades prisionais pernambucanas, no comparativo com 2018. Nas 23 unidades, foram registrados dez assassinatos, no ano passado. Em 2018, ao estado notificou 15 casos.

Em 1º de janeiro de 2019, havia 31.821 presos em todo o estado. No dia 31 de dezembro do mesmo ano, o número subiu para 33.330, o que representa um aumento de 4,7%, ou seja, de 1.509 pessoas.

Nenhum comentário

Postar um comentário

Veja também
© Todos os Direitos Reservados