Responsive Ad Slot

Últimas Notícias

latest

Recém-nascida que não conseguia respirar é salva por Corpo de Bombeiros em Caruaru

15.11.21

/ por casinhas agreste

Segundo relato do Sargento Rodrigues, que participou da ação, o atendimento aconteceu nesse domingo (14) após a mãe da criança entrar em contato com o socorro
Portal Folha de Pernambuco

Upa do Salgado, em Caruaru - Foto: Reprodução/Google Street View
Uma recém-nascida que estava sem conseguir respirar foi salva após atendimento de sargentos do Corpo de Bombeiros em Caruaru, no Agreste de Pernambuco.

PUBLICIDADE

Segundo relato emocionado do Sargento Rodrigues, que participou da ação, a ocorrência aconteceu nesse domingo (14), por volta das 8h30, após a mãe da criança entrar em contato com o socorro afirmando que a bebê, que tinha 30 dias de nascida, estava com dificuldades para respirar.

“O telefonista passou as primeiras orientações para a mãe e eu e os sargentos Elton e Audejan fomos à residência da criança localizada no bairro Maurício de Nassau", afirmou Rodrigues informando que ao chegar ao local, aproximadamente 5 minutos após o recebimento da ocorrência, a equipe encontrou a mulher na rua desesperada com a criança no colo.

“Fiz os primeiros socorros e verifiquei que o bebê estava com as vias aéreas superiores interrompidas, provavelmente por secreção.  Após os procedimentos, a criança passou a respirar melhor”, informou o sargento.

A criança foi conduzida em seguida para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Salgado, em Caruaru e passa bem. 

 


O socorrista contou emocionado sobre a equipe ter conseguido chegar a tempo de salvar a vida da criança. “Com 27 anos de serviço no Corpo de Bombeiros já passei por diversas situações, mas é sempre como se fosse à primeira vez. Fiquei feliz que graças a Deus deu certo. Esse é um trabalho incrível”.


Tentamos falar com a UPA do Salgado para saber quais os procedimentos foram realizados na bebê e se ela recebeu alta, mas não conseguimos contato.

Nenhum comentário

Postar um comentário

Veja também
© Todos os Direitos Reservados