Responsive Ad Slot

Últimas Notícias

latest

PERNAMBUCO: Agora são 1.516 óbitos mais 964 casos; o Estado chega 19.452 confirmações

18/05/2020

/ por casinhas agreste
Com mais 964 casos e 55 mortes por Covid-19, Pernambuco chega a 19.452 confirmações e 1.516 óbitos
Boletim divulgado pela Secretaria Estadual de Saúde neste domingo (17) mostra que o estado tem 2.969 pessoas curadas da doença causada pelo novo coronavírus.
G1 PE
Pernambuco confirmou, neste domingo (17), mais 964 casos do novo coronavírus, segundo a Secretaria Estadual de Saúde. Além disso, foram registrados mais 55 óbitos de pacientes com a Covid-19. Com isso, o estado totaliza 1.516 mortes e 19.452 confirmações da doença, sendo 9.703 quadros graves e 9.749 leves.
(CORREÇÃO: Inicialmente, o governo de Pernambuco informou que casos graves do novo coronavírus foram confirmados em todas as 184 cidades do estado. Mais tarde, corrigiu a informação e afirmou que há o registro de casos da Covid-19 em 147 municípios pernambucanos, além do Arquipélago de Fernando de Noronha e da ocorrência de pacientes que moram em outros estados e países. A reportagem foi atualizada às 19h20.)

Dos novos casos registrados, 519 se enquadram como leves e 445 como Síndrome Respiratória Aguda Grave (Srag). Do total de casos graves no estado, 1.788 evoluíram bem, receberam alta hospitalar e estão em isolamento domiciliar. Outros 3.430 estão internados, sendo 242 em Unidades de Terapia Intensiva (UTI) e 3.188 em leitos de enfermaria.

Do total de casos confirmados em Pernambuco, 3.093 são de profissionais de saúde que foram contaminados com o novo coronavírus. Além disso, houve, ainda, 1.994 casos de trabalhadores da área que tiveram o resultado negativo descartado. Há, ainda, mais 45 pacientes recuperados do novo coronavírus, totalizando 2.969 pessoas curadas da Covid-19 no estado.


Mortes
Dos 55 óbitos confirmados laboratorialmente, 33 são do sexo masculino e 22 do sexo feminino, de pessoas residentes nos municípios de Bonito (1), Cabo de Santo Agostinho (4), Caetés (2), Camaragibe (1), Chã Grande (1), Condado (1), Cortês (2), Escada (1), Ipojuca (1), Jaboatão dos Guararapes (5), Limoeiro (1), Olinda (1), Palmares (3), Passira (1), Paudalho (1), Paulista (2), Petrolina (1), Recife (23), Triunfo (1), Tupanatinga (1), Xexéu (1).

As mortes ocorreram entre o dia 24 de abril e a sexta-feira (15). Os pacientes tinham idades entre 21 e 101 anos, além de uma criança de 2 meses. Apresentavam comorbidades 21 pacientes, sendo histórico de acidente vascular cerebral (4), leucemia (1), hipertensão arterial sistêmica (10), diabetes mellitus (6), paralisia cerebral (1), câncer (1), doença cardiovascular crônica (1), fibrose pulmonar (1), histórico de tabagismo (1), doença renal (1), asma (1), obesidade (1), disfunção da tireoide (1).

Os outros 34 pacientes que morreram não tinham comorbidade ou a existência dela ainda está em investigação pelos municípios. As faixas etárias das pessoas que vieram a óbito são: 0 a 9 (1), 20 a 29 (2), 30 a 39 (2), 40 a 49 (12), 50 a 59 (7), 60 a 69 (10), 70 a 79 (14), 80 ou mais (7).

Quarentena

No segundo dia de quarentena no Recife e em Olinda, Jaboatão dos Guararapes, Camaragibe e São Lourenço da Mata, muitas pessoas saíram de casa, formando aglomerações e desrespeitando as medidas para conter a pandemia do novo coronavírus. Mesmo com blitze e fiscalização nas ruas, o movimento ainda estava intenso em alguns pontos da Região Metropolitana neste domingo (17), assim como no primeiro dia de vigor do decreto estadual.

Apesar disso, Pernambuco registrou, no sábado (16), o maior índice de isolamento do país: 53,8%. Baseado no levantamento da empresa de tecnologia In Loco, a partir de dados da localização de celulares, o percentual foi divulgado neste domingo (17) pelo governo estadual.

Nenhum comentário

Postar um comentário

Veja também
© Todos os Direitos Reservados