Responsive Ad Slot

Últimas Notícias

latest

Câmara de Surubim aprova projeto que garante R$ 10 milhões ao Município para pagamentos, incluindo salário dos servidores e dinheiro do Fundeb

Blog Albérico Cassiano

A Câmara de Vereadores de Surubim aprovou Projeto de Suplementação Orçamentária, que amplia de 5% para 40% o percentual que o Município pode remanejar entre as secretarias, para quitar despesas do orçamento, a exemplo de salários de servidores.

Com isso, o Munícipio passa a contar com cerca de R$ 10 milhões, sendo a maior parte, R$ 8 milhões, para o Fundeb, e outros R$ 485 mil para secretaria de Educação. Além de R$ 55 mil (sec. Administração), R$ 273 mil (sec. Turismo), R$ 10 mil (sec. Juventude), R$ 91 mil (sec. Finanças), R$ 100 (sec. Defesa Social) e R$ 120 mil para o Fundo de desenvolvimento Municipal.

A sessão foi acompanhada por professores do município, pois boa da categoria acabou ficando sem salário ou recebeu parcialmente, o que , de acordo com os parlamentares, ocorreu por uma questão de prazo para tramitação e votação da proposta na Casa.



"Aqui não tem vereador contra professor, ao contrário. Agora é preciso esclarecer que quem envia a proposta, nos remete sabendo que a Câmara obedece o prazo regimental", lembrou o vereador Luciano Medeiros, o Bomba (PSD). 

"Nós sempre fomos corretos nessa Casa com todos os surubinenses, principalmente com os funcionários da Prefeitura e nunca deixamos de aprovar suplementação e projetos de orçamento vindos do Executivo", acrescentou o vereador Lúcio Fabrício (PTC).

Para ser aprovador na sessão desta quinta (03), o projeto passou por duas votações, articuladas pelo presidente Fabrício Brito (PSB). "Como prevê o Regimento, submetemos o Projeto a duas votações, e todos os parlamentares presentes aprovaram. A Câmara de Surubim jamais atrapalharia a vida de um servidor apenas, muito menos dos nossos professores", destacou.

Além dos vereadores Fabrício Brito, Bomba, participaram da sessão Lúcio Fabrício, Véia de Aprígio,  Dr. Vavá, Salatiel Lopes, Paulo do INSS, Fred Lafayette e dr. Josafá Vasconcelos. Arquimedes e Huck não compareceram.

Nenhum comentário

Postar um comentário

Veja também
© Todos os Direitos Reservados