Responsive Ad Slot

Últimas Notícias

latest

Abatido e com cabeça raspada, Justiça nega habeas corpus ao paraibano DJ Ivis

20.7.21

/ por casinhas agreste

Iverson de Souza Araújo, conhecido como DJ Ivis, teve seus cabelos raspados ao chegar na Unidade Prisional Irmã Imelda Lima Pontes, em Aquiraz, no Ceará. O produtor musical foi preso na última quarta-feira (14/7) pelas agressões contra sua ex-mulher, Pamella Holanda, inclusive na frente da filha de nove meses do casal.

A Justiça negou o pedido de habeas corpus de DJ Ivis no último sábado (17/7) e ele permanecerá preso por tempo indeterminado à disposição do Poder Judiciário. Caso ele seja condenado por lesão corporal, a pena máxima é de três anos em regime aberto ou semiaberto. O presídio de Aquiraz é de segurança máxima.

A estudante Pâmella Holanda, que filmou as agressões realizadas pelo então marido, contou no Fantástico deste domingo (18) que os episódios eram recorrentes.

Ela relatou que a primeira agressão aconteceu durante a gravidez. “Eu estava grávida de cinco para seis meses. Me segurou pelo pescoço e foi me arrastando do corredor até o sofá”, afirmou ela.

A situação mais grave aconteceu no início de julho quando ela decidiu denunciar.

“Desci umas 10h, quase 11h para poder fazer o leite dela e já começou a discutir. A funcionária dele também estava na hora na cozinha. Foi na hora que ele pegou uma faca na gaveta da cozinha. A funcionária dele foi e segurou braço dele”, disse.
Fonte Portal do Litoral PB

Nenhum comentário

Postar um comentário

Veja também
© Todos os Direitos Reservados