Responsive Ad Slot

Últimas Notícias

latest

Samu Recife apresenta queda no envio de ambulâncias para pacientes com sintomas de SRAG

28.6.21

/ por casinhas agreste

Diario de Pernambuco

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) do Recife divulgou que houve uma diminuição nos chamados de ambulâncias para casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (Srag). De acordo com os dados, há 8 dias a média móvel segue caindo abaixo de 40 envios de ambulâncias.

De acordo com dados da Gerência de Serviços Teleatendimento (GST), do Samu Recife, no domingo (27), a média móvel de envios de ambulância para pacientes com Síndrome Respiratória Aguda Grave (Srag) foi de 35,1 no sábado (26).

O número é bem próximo ao de envios de viaturas do serviço para causas externas, como traumas, que esteve em 33,1. No sábado (26) foram enviadas 38 ambulâncias para atendimentos SRAG e 21 ambulâncias para traumas/acidentes no Recife.

Covid-19 no Recife
Segundo o último boletim epidemiológico divulgado, ontem (27), o Recife confirmou 271 novos casos de Covid-19, sendo 251 casos leves e 20 casos de srag. Também foram confirmadas, laboratorialmente, oito novas mortes, sendo três mulheres e cinco homens, ocorridas entre os dias 12 e 26 de junho de 2021. Os pacientes que foram a óbito tinham idades entre 29 e 78 anos. Assim, o município totaliza 134.322 casos confirmados da Covid-19, sendo 119.793 leves e 14.529 casos de srag.

Destes últimos, 4.646 evoluíram para óbito. Além disso, o boletim também aponta um total de 128.053 pacientes recuperados da doença. Comparando-se as semanas epidemiológicas SE 23 e SE 24, para os casos leves observa-se uma redução de 18,5% nas notificações e de 40,3% para os casos confirmados.

Em relação aos casos de srag, houve uma redução de 16,8% no número de casos notificados e de 21,9% para os casos confirmados. Quanto aos óbitos, a mesma comparação demonstra uma redução de 17,3% para os óbitos notificados de srag e de 6,4% para os óbitos confirmados para covid-19. Analisando-se a data de ocorrência dos óbitos dos últimos 60 dias, nota-se que o número de óbitos variou entre 1 e 18.

Nenhum comentário

Postar um comentário

Veja também
© Todos os Direitos Reservados