Responsive Ad Slot

Últimas Notícias

latest

PF alerta para perigo de receber dinheiro falsificado no carnaval

06/02/2020

/ por casinhas agreste

Em 2019, quatro pessoas foram presas recebendo, pelos Correios, notas falsas. Estudante teve prejuízo ao vender celular e ser pago em cédulas sem validade.
Por Bruno Fontes, TV Globo
Em época de carnaval, aumenta a circulação de dinheiro em espécie. Diante disso, a Polícia Federal alerta para o perigo de a pessoa ser enganada por golpistas que utilizam notas falsas, que, cada vez mais, estão sendo feitas com mais semelhanças com as cédulas verdadeiras, emitidas pela Casa da Moeda. Em 2019, quatro pessoas foram presas pela PF recebendo, pelos Correios, dinheiro falsificado.

Um exemplo é o do estudante Artur Paiva, que teve um prejuízo de R$ 3,9 mil com a venda de um celular a um comprador que conheceu por meio da internet. Ele disse que chegou a verificar itens de segurança nas cédulas, mas mesmo assim acabou sendo enganado.

"Esse rapaz entrou em contato com a gente, disse que morava em Boa Viagem [na Zona Sul] e veio pegar o celular. Ele trouxe o dinheiro em mãos, nós pegamos, minha namorada contou e estava tudo certo. Eu peguei no dinheiro, senti uma coisa estranha e olhei na luz, mas vi que tinha marca d'água, que tinha a listrinha preta no meio, vi que tinha selo brilhante e achei que era impressão minha", afirmou.

Estudante recebeu dinheiro falso no Recife — Foto: Reprodução/TV GloboEstudante recebeu dinheiro falso no Recife — Foto: Reprodução/TV Globo
Estudante recebeu dinheiro falso no Recife — Foto: Reprodução/TV Globo


Ainda segundo Artur, o que o fez descobrir que as notas eram falsas foi um selo brilhante contido próximo a uma das laterais do dinheiro. Entretanto, o golpista conseguiu fugir levando o aparelho.

De acordo com o assessor de comunicação da Polícia Federal em Pernambuco, Giovani Santoro, em caso de dúvidas sobre a autenticidade das notas, a melhor opção é não realizar a transação financeira.

"A primeira orientação é com relação à textura do papel. Esses bandidos ainda não conseguiram falsificar o papel que é feito pela Casa da Moeda, que é único. Se você passar o dedo em uma nota verdadeira, vai perceber que ela é áspera, diferente de uma nota falsa, que é lisa. A segunda dica é a impressão da nota. Em uma nota verdadeira, as cores costumam ser bem vivas e vibrantes, diferente de uma falsa", afirmou.

Em caso de identificação de notas falsas, é preciso acionar a Polícia Federal ou a Polícia Militar, caso o falsário esteja por perto. Quem repassa dinheiro falsificado conscientemente também pratica um crime.

"Nas notas falsas, se a pessoa recebeu várias, a numeração é repetida, porque eles não fazem matrizes para notas diferentes. A pessoa já percebe aí. Existe um aplicativo feito pelo Banco Central chamado Dinheiro Brasileiro. Ele não vai dizer se essa nota é falsa ou verdadeira, mas você vai escanear a nota e ele vai indicar para você onde estão todos os itens de segurança", afirmou Giovani.

Nenhum comentário

Postar um comentário

Veja também
© Todos os Direitos Reservados