Responsive Ad Slot

Últimas Notícias

latest

Criança de 11 anos morre após desmaiar em parque no Recife; médica suspeita de mal súbito

03/11/2019

/ por casinhas agreste
Caso aconteceu neste domingo (3), no Parque da Jaqueira, na Zona Norte da cidade. Menino estava em brinquedo. Polícia trata fato como "morte a esclarecer".
Por G1 PE
Uma criança de 11 anos morreu, no fim da manhã deste domingo (3), quando estava brincando no Parque da Jaqueira, na Zona Norte do Recife. Segundo a cardiologista Cecília Cavalcanti Melo Lins, que estava no local e ofereceu ajuda para prestar socorro, há indícios de que o menino teve um mal súbito.

Por meio de nota, a Polícia Civil informou que abriu um inquérito para apurar o caso. A corporação trata o fato como “morte a esclarecer”. A polícia disse também que a criança desmaiou quando estava no brinquedo.

A cardiologista Cecília Cavalcanti Melo Lins informou ao G1, por telefone, que estava passeando no parque quando soube que havia uma criança desmaiada.


Ela disse, ainda, que chegou ao local 30 minutos depois do início do socorro, prestado por equipes do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). A cardiologista contou que o menino estava com um quadro de parada cardíaca.

“Tudo indica que foi um mal súbito. Quando eu cheguei, já havia equipes do Samu, uma básica e outra avançada, além de outros médicos que passavam pelo parque. Tentamos reanimá-lo por 45 minutos, mas não foi possível”, comentou.

O Samu informou que enviou ao parque duas motos e uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Disse também que quando o socorro chegou ao local não foi possível reanimar a criança.

A médica informou que a criança estava com o irmão, que tem 35 anos, brincando no parque. “O irmão chegou a fazer um vídeo, no momento em que a criança entrou no brinquedo, que como se fosse um foguete que tem um escorregador”, comentou.

Cecília Cavalcanti Melo Lins informou que recebeu informações sobre um problema de saúde anterior da criança. De acordo com a médica, o menino sofreu um desmaio há alguns dias e foi levado para um hospital do Recife.

“Fizeram exames neurológicos e deu tudo normal. Ele também passou por um eletrocardiograma, que não teve alteração. Houve a indicação para acompanhamento médico e não houve tempo para fazer um exame mais profundo, como ecocardiograma”, observou.


Para a especialista, a morte pode ter relação com algumas questões de saúde. “Pode ser uma cardiopatia anterior ou uma arritmia. Mas isso vai ficar claro com o exame no IML [Instituo de Medicina Legal]”, acrescentou.

Procurada pelo G1, a prefeitura do Recife, que administra o parque, não se pronunciou oficialmente sobre o fato.

Nenhum comentário

Postar um comentário

Veja também
© Todos os Direitos Reservados