Responsive Ad Slot

Últimas Notícias

latest

Sport quebra sequência de empates, vence o Paraná por 1×0 e entra no G-4

27/07/2019

/ por casinhas agreste
Depois de três empates seguidos, enfim, o Sport voltou a vencer na Série B. Os rubro-negros não se intimidaram com a invencibilidade que o Paraná ostentava (vinha de cinco vitórias consecutivas) e venceram por 1×0, em pleno estádio Durival Britto, na abertura da 12ª rodada da Segundona. O gol do triunfo leonino foi marcado pelo centroavante Hernane Brocador, após cobrança de pênalti.

Com a vitória, o Leão chegou aos 21 pontos e ocupa temporariamente a 4ª colocação, já que o Londrina (6º, com 20 pontos) e a Ponte Preta (8º, com 19), que entram em campo hoje no complemento da rodada. A equipe leonina volta a campo na próxima segunda-feira, quando encara o Guarani, às 20h, na Arena Pernambuco.

O JOGO
Com suas invencibilidades em jogo, Paraná (um empate e cinco vitórias) e Sport (duas vitórias e três empates) começaram a partida com bastante intensidade para tentar manter a sequência de bons resultados. As duas equipes buscavam encurtar os espaços, com marcação pressão e sempre atacando quem estava com a bola. Com isso, para tentar se livrar dos adversários, a alternativa era optar pela troca de passes rápida. Aumentando a velocidade do confronto.

E não demorou muito para o Sport abrir o placar. Aos 11, Leandrinho lançou Ezequiel na área e foi derrubado por Guilherme Santos: pênalti. Na cobrança, Hernane bateu no meio do gol para abrir o placar: 1×0. Com o Leão marcando em cima e bem postado em campo, o Paraná encontrava dificuldade para chegar ao gol de Maílson, só assustando o goleiro rubro-negro com um chute de longa distância, aos 22, com João Pedro acertando o travessão.

Com a mesma estratégia, Leandrinho também levou perigo arriscou de longe e obrigando Thiago Rodrigues a fazer uma grande defesa, aos 32 minutos.

Na volta para a segunda etapa, os donos da casa voltaram com uma postura ainda mais agressiva. Atrás do placar, o Paraná procurava anular a saída de bola do Sport marcando em cima. Alugando o campo defensivo rubro-negro. Aos seis minutos, a primeira chance do Tricolor Paranaense. Jenison disparou em pela direita, ganhou na velocidade para Lazaroni e cruzou rasteiro… A bola passou por toda a extensão da área, mas Ramon acabou furando – foi atrapalhado por um leve desvio de Norberto.

A equipe rubro-negra não se intimidou e logo deu uma resposta à altura. Aos dez, Ronaldo recebeu na entrada da área e arriscou um chute rasteiro… A bola explodiu na trave. O Paraná seguia incomodando o Leão e chegou com perigo aos 25 minutos, após cobrança de escanteio, a zaga do pernambucana afastou, mas Guilherme Santos pegou o rebote e acertou um chute forte da entrada da área, com a bola passando raspando a trave de Maílson.

Mesmo com a pressão do Paraná na reta final, o Sport, desta vez, não sofreu gol nos acréscimos e conseguiu segurar a vitória até o apito final: 1×0.

Ficha do jogo
PARANÁ

Thiago Rodrigues; Eder Sciola, Eduardo Bauermann, Rodolfo e Guilherme Santos; Luiz Otávio, Itaqui (Ramon) e Fernando Neto (Caio Monteiro); João Pedro e Bruno Rodrigues e Jenison (Rodrigo Porto). Técnico: Matheus Costa.

SPORT

Maílson; Norberto (Raul Prata), Rafael Thyere, Adryelson e Guilherme Lazaroni; Ronaldo, Charles e Leandrinho (Sammir); Ezequiel, Guilherme e Hernane (Elton). Técnico: Guto Ferreira.

Local: Estádio Durival Britto, em Curitiba (PR).
Árbitro: Jean Pierre Gonçalves Lima (RS).
Assistentes: Lúcio Beiersdorf Flor e Leirson Peng Martins (ambos do RS).
Gol: Hernane, aos 13 do 1º tempo.
Cartões amarelos: Guilherme Santos, Eduardo Bauermann, Rodolfo, Rodrigo Porto (PAR) e Hernane, Ronaldo, Norberto, Raul Prata, Charles (SPO).

Nenhum comentário

Postar um comentário

Veja também
© Todos os Direitos Reservados