Responsive Ad Slot

Últimas Notícias

latest

Duas idosas são encontradas mortas dentro de casa em Olinda

05/03/2019

/ por casinhas agreste

Rosa Maria Cavalcante Melo, de 84 anos, e Ivone Cavalcante Melo, 74, estavam sem dar notícias há mais de 48 horas


Corpos das idosas foram encontrados dentro de casa, na Rua Pereira Simões, em Bairro Novo, Olinda. Foto: Rodrigo de Luna/TV Clube

Duas idosas foram encontradas mortas dentro de casa, em Bairro Novo, Olinda, no Grande Recife, na manhã desta segunda-feira (4). Os corpos das irmãs Rosa Maria Cavalcante Melo, de 84 anos, e Ivone Cavalcante Melo, 74, foram encontrados por volta das 8h55 pelo sobrinho. As mulheres estavam sem dar notícias para a família há mais de 48 horas. Preocupado, ele, que preferiu não se identificar, entrou na casa, localizada na Rua Pereira Simões, e encontrou as duas sem vida.

As irmãs não têm filhos e moram em Olinda há muitos anos. Durante o carnaval, elas se encontraram com familiares que moram em São Paulo. Segundo o sobrinho, elas teriam participado de festas na sexta (1º) e no sábado (2) de manhã fizeram o cabelo e as unhas em casa com profissionais conhecidos. Depois pararam de mandar notícias. O parente contou que tentou contato com elas no sábado à noite e no domingo, mas não conseguiu. Nesta segunda, resolveu ir até a casa. 

A polícia isolou a residência, e o Instituto de Criminalística (IC) realizou perícias. Ainda na noite desta segunda, a equipe voltará para novas investigações. No local, foram coletadas amostras de DNA e digitais, essas últimas serão enviadas para exames papiloscópicos. Somente após a conclusão de todos os laudos, será possível determinar a causa das mortes.

De acordo com os peritos, os dois cadáveres foram encontrados em quartos diferentes, ambos deitados na cama. Os corpos estavam em avançado estado de decomposição. Não foram identificados sinais de violência física, o que leva à suspeita de ter havido envenenamento. No entanto, a polícia também trabalha com a hipótese de latrocínio, porque havia uma TV no chão, gavetas reviradas e a mala do carro estava aberta, o que leva a crer que alguma pessoa iria fugir e não conseguiu por algum motivo.

Nenhum comentário

Postar um comentário

Veja também
© Todos os Direitos Reservados