Responsive Ad Slot

Últimas Notícias

latest

Em aproximação ao DEM, Bolsonaro quer condenado como articulador político

25/10/2018

/ por casinhas agreste

Veja.com

Presidenciável anunciou Alberto Fraga, sentenciado por cobrança de propina no DF, como articulador político
Bolsonaro: proximidade com a bancada da bala (Fábio Motta/Estadão Conteúdo)

Além de já ter anunciado seu coordenador de campanha, Onyx Lorenzoni (DEM-RS), como chefe da Casa Civil em seu eventual governo, o candidato à Presidência Jair Bolsonaro (PSL) deu novas demonstrações de aproximação com o Democratas. Em encontro com representantes da bancada da bala, o presidenciável fez acenos a outros dois políticos do partido para integrarem seu gabinete em 2019: Pauderney Avelino (AM) e Alberto Fraga (DF).

Apesar de o candidato do PSL destacar, entre suas bandeiras de campanha, o fim do que chama de “toma lá, dá cá” entre o Executivo e o Legislativo, a adesão do partido do Centrão seria vantajosa para o seu governo. O DEM elegeu 29 deputados no dia 7 de outubro. O PSL de Bolsonaro terá a segunda maior bancada, com 52 parlamentares. 

Derrotado na disputa pelo governo do Distrito Federal, Fraga reuniu cerca de 30 parlamentares que defendem o afrouxamento das regras para posse de arma na casa do presidenciável no Rio de Janeiro na última terça-feira.

“Já anuncio aqui que quem vai coordenar a bancada no Planalto vai ser o Fraga”, disse Bolsonaro, em vídeo divulgado pelo deputado — hoje, esta função cabe ao ministro-chefe da Secretaria de Governo da Presidência. Fraga, por sua vez, disse que não houve conversas sobre cargos e o que existe é uma “identificação pessoal” do candidato com alguns nomes da legenda.

Nenhum comentário

Postar um comentário

Veja também
© Todos os Direitos Reservados