Responsive Ad Slot

Últimas Notícias

latest

Em Aroeiras, torcida pela Seleção brasileira rende grande público; Brasil vence por 2 a 0 a Sérvia

Fotos: Edmilson Site Casinhas Agreste - torcida no Galpão do Forró

O Jogo da Seleção Brasileira atraiu um grande público no final da tarde desta quarta feira (27), a partida é válida pela primeira fase da Copa do Mundo. Torcedores compareceram em massa no Galpão do Forró para mais uma vitória da seleção canarinha. A Prefeitura de Aroeiras por meio da Secretaria de Cultura, Esportes e Turismo disponibilizou um telão LED para a calorosa torcida assistir o jogo. 
A calorosa torcida pelo Brasil rendeu um público vibrante em Aroerias, o Blog Casinhas Agreste registrou a presença de moradores da zona rural e da  cidade. Antes da Partida o Site Casinhas Agreste estreou o primeiro Programa Bate Bola com os jornalista Ricardo Ferreira, Wéligton, Márcio, Tiago e o Edmilson Arruda. O entrevistado Alberes que é professor e treinador de equipe de futebol na cidade. 


O Jogo 

Brasil vence a Sérvia por 2x0 e encara o México nas oitavas de final


O volante Paulinho e o zagueiro Thiago Silva marcaram os gols brasileiros. Paulinho e Thiago Silva marcaram os gols do Brasil

Com uma vitória segura, o Brasil espantou qualquer fantasma de uma possível eliminação ainda na fase de grupos (o que não acontecia desde 1966) da Copa do Mundo e bateu com tranquilidade a Sérvia por 2x0, nesta quarta-feira (27), no estádio do Spartak, terminando na primeira colocação do Grupo E e assegurando vaga nas oitavas de final do Mundial da Rússia. Os gols brasileiros foram marcados por Paulinho e Thiago Silva. Nas oitavas, a seleção canarinho vai encarar o México, na próxima segunda-feira (2/7), às 11h (horário de Brasília), em Samara.

 Um início de jogo tenso estádio do Spartak, em Moscou. Sem poder vacilar diante da Sérvia, que também vislumbrava a classificação, os brasileiros começaram a partida receosos. Nos primeiros minutos, o nervosismo acarretou em alguns erros de passes bobos. Por sua vez, os sérvios tinham como estratégia aproveitar justamente esse momento instável do Brasil para tentar tirar proveito e buscavam pressionar a saída de bola brasileira. A tensão só aumentou quando, aos nove minutos, o lateral-esquerdo Marcelo deixou o campo sentindo um espasmo na coluna, dando lugar a Filipe Luís.


 
Mesmo a Sérvia se portando melhor nos 15 primeiros minutos e alugando o campo defensivo do Brasil, os comandados de Tite souberam "sofrer" e suportar a entusiasmo adversário. Passado o nervosismo, os brasileiros colocaram a bola no chão e passaram a buscar as jogadas encurtadas, de aproximação. Foi assim que, aos 24 minutos, Neymar individualizou pela esquerda, tabelou com Gabriel Jesus e chutou cruzado do bico da pequena área para a boa defesa do goleiro Stojkovic.

Animado com o lance, o camisa 10 voltou a ser protagonista. Aos 29 minutos, ele enxergou Jesus partindo sozinho em disparada em direção à área e lançou. O camisa 9 entrou sozinho em condição de chutou, mas preferiu o corte no zagueiro, perdeu a passada e acabou chutando em cima do outro defensor sérvio. Naquele momento, a seleção brasileira já tinha o controle da partida e era 'senhor das ações'.



 Porém, faltava o melhor jogador do Brasil na Copa do Mundo aparecer. Aos 35 minutos, Philippe Coutinho mostrou todo o seu recurso e, com um lançamento cirúrgico por elevação, ele achou Paulinho infiltrando por entre os defensores sérvios, só tento o trabalho de dar um toquinho por cima do goleiro Stojkovic: 1x0.

Na volta para o segundo tempo, os brasileiros voltaram imprimindo o mesmo ritmo que terminou a primeira etapa. Com toques rápidos e saída em velocidade, aos 11 minutos, Coutinho deixou Neymar em condições de entrar sozinho na área e chutar em cima de Stojkovic.



Após o susto, a Sérvia foi para o tudo ou nada e passou a se lançar ao ataque, crescendo na partida. Aos 15, o lateral Rukavina cruzou a meia altura, Alisson saltou para espalmar... Mitrovic não cabeceou em cheio e a bola bateu na coxa de Thiago Silva e foi nas mãos do goleiro brasileiro. No lance seguinte, um novo susto. Aos 19, novo levantamento da direita buscando o camisa 9 sérvio, que ganhou com facilidade de Fagner e testou para baixo. Para sorte da seleção canarinho, Alisson estava bem posicionado e conseguiu defender.

Coube ao Brasil pagar com a mesma moeda: bola alçada. Neymar cobrou escanteio na primeira trave, Thiago Silva subiu sozinho e mandou para o fundo das redes, 2x0. Com a vantagem e a primeira colocação assegurada, a seleção passou a administrar o resultado, diminuindo o ritmo da partida e trocando passes no setor ofensivo.

Sem sustos até o apito final, a seleção garantiu vaga às oitavas de final na primeira colocação, com sete pontos.



FICHA DO JOGO - SÉRVIA 0X2 BRASIL

SÉRVIA: Stojkovic; Rukavina, Milenkovic, Veljkovic e Kolarov; Matic e Milinkovic-Savic; Ljajic (Zivkovic), Tadic e Kostic (Radonjic); Mitrovic (Jovic). Técnico: Mladen Krstajic.

BRASIL: Alisson; Fagner, Thiago Silva, Miranda e Marcelo (Filipe Luís); Casemiro e Paulinho (Fernandinho); Willian, Philippe Coutinho (Renato Augusto) e Neymar; Gabriel Jesus. Técnico: Tite.

Local: estádio do Spartak, em Moscou. Árbitro: Alireza Faghani (Irã). Assistentes: Reza Sokhandan e Mohamm Mansouri (ambos do Irã). Gols: Paulinho, aos 35 minutos do 1º Tempo. Thiago Silva, aos 22 minutos, do 2º Tempo. Cartões amarelos: Ljajic, Matic e Mitrovic (SÉRVIA).
















Nenhum comentário

Postar um comentário

Veja também
© Todos os Direitos Reservados