Responsive Ad Slot

 


Últimas Notícias

latest

Sobe para cinco número de suspeitos capturados devido ao assassinato do filho de 9 anos de líder rural em Barreiros

11.3.22

/ por casinhas agreste

Ao todo, três adultos foram detidos e dois adolescentes foram apreendidos por causa do crime no Engenho Roncadorzinho, em 10 de fevereiro, segundo o delegado de homicídios de Palmares.
Por Priscilla Aguiar, g1 PE
Jonatas Oliveira, de 9 anos, foi morto a tiros por homens encapuzados em Barreiros — Foto: Reprodução/WhatsApp

Um homem de 19 anos foi preso, nesta quinta-feira (10), por suspeita de envolvimento no assassinato de Jonatas Oliveira, de 9 anos, filho do líder rural do Engenho Roncadorzinho, em Barreiros, na Zona da Mata Sul de Pernambuco. O homicídio aconteceu no dia 10 de fevereiro, quando sete criminosos invadiram a residência onde a criança morava com a família.

Compartilhe esta notícia no WhatsApp
Compartilhe esta notícia no Telegram
Identificado pela Polícia Civil como Marlison Matos Sales da Silva, o suspeito estava na área urbana de Barreiros quando foi preso por equipes da 18ª Delegacia de Homicídios de Palmares e da Delegacia do município onde o menino foi morto a tiros. A prisão ocorreu em cumprimento a um mandado de prisão temporária.


Com essa nova captura, subiu para cinco o número de suspeitos presos ou apreendidos por participação na morte de Jonatas e na tentativa de assassinato do pai dele, o líder rural Geovane da Silva Santos, de acordo com o delegado de homicídios de Palmares, Marcelo Queiroz, designado especialmente para investigar esse caso.

"Marlison é suspeito de integrar o grupo que teria indo lá e praticado o assassinato. Agora são três adultos presos e dois menores apreendidos. Ainda procuramos mais uma ou duas pessoas envolvidas no crime", afirmou o delegado.
As primeiras capturas ocorreram no dia 16 de fevereiro, quando dois homens foram presos e um adolescente de 15 anos foi apreendido. Quase uma semana depois, em 22 de fevereiro, um adolescente de 17 anos foi apreendido por suspeita de participação no assassinato da criança.

Marcelo Queiroz, delegado titular de homicídios de Palmares, designado especialmente para o caso — Foto: Priscilla Aguiar/g1
Marcelo Queiroz, delegado titular de homicídios de Palmares, designado especialmente para o caso — Foto: Priscilla Aguiar/g1


Segundo o Tribunal de Justiça de Pernambuco, os dois suspeitos presos em fevereiro foram Manoel Bezerra Siqueira Neto e Michael Faustino da Silva. A polícia informou que a dupla não tem antecedentes criminais.

Os nome dos adolescentes apreendidos não foram divulgados em respeito ao que determina o Estatuto da Criança e do Adolescente. O g1 tentou contato com a defesa dos suspeitos, mas não obteve retorno até a última atualização desta reportagem.

A Polícia Civil também identificou que outro suspeito, preso desde 2018 por outros crimes, seria o chefe desse grupo criminoso.

Nenhum comentário

Postar um comentário

DIVULGAÇÃO

 


Veja também
© Todos os Direitos Reservados