Responsive Ad Slot

Últimas Notícias

latest

DÍVIDA: Prefeita de Casinhas enviou junto ao projeto do rateio dos Professores um empréstimo de 3 milhões de reais: "Não foram os vereadores que não quiseram votar o projeto, foi a Senhora Prefeita que enviou o projeto errado. Disse Átila

26.12.21

/ por casinhas agreste

Na última sexta feira 24/12 , o grupo de vereadores da oposição em Casinhas, no Agreste do Estado, participou
 do programa Pop Comunidade em Surubim. A entrevista foi concedida ao radialista Neto Arruda, da Rádio Pop FM. Estiveram presentes os vereadores Átila Barbosa Presidente da Câmara, os vereadores Evaldo Lima, Valdeane do Junco, Elias de Muamba, Inácio do Toyota e Otávio Francismar. Segundo informações, os vereadores foram alvo de críticas após rejeitar sem mesmo ter seguido para votação de um projeto que endividaria o Município de Casinhas em três milhões de reais. O endividamento foi enviado juntamente com o rateio que será concedido aos professores. 
Para exemplificar melhor, a Prefeita de Casinhas enviou para a Câmara Municipal o projeto de número 18/2021 que dispõe sobre o abono do FUNDEB aos Professores do Município de Casinhas. De acordo com informações, o projeto seria votado sem o empréstimo feito pelo Executivo Municipal, disse o vereador Evaldo Lima. 
Para se entender melhor, o rateio é do valor do 70% do Fundeb o que não têm nada haver com empréstimo bancário. O valor que deverá ser rateado é a sobra dos valores que não foram usados durante o ano de pandemia por conta de que em Casinhas não houve aulas presenciais e os gastos foram contidos pela gestão Municipal. O valor a ser pago faz parte uma sobra que não foi pago pela valorização da categoria durante todo o ano, como exemplo o que deveria ter acontecido o ajustamento do aumento salarial de toda a categoria. 

O projeto do rateio foi enviado com um empréstimo de 3 milhões de reais.

Esse empréstimo foi uma verdadeira armadilha enviado para que os vereadores votassem. Segundo o vereador e Presidente da Casa Manoel de Veiga Lira e Silva, pediu que retirassem esse pedido de empréstimo do projeto.  "Não foram os vereadores que não quiseram votar o projeto, foi a Senhora Prefeita que enviou o projeto três vezes errado". Disse Átila Barbosa. 
"Inclusive tivemos várias reuniões com os professores para escutar, e saber qual a opinião deles sobre o projeto que foi enviado pela prefeita, projeto que dispõe sobre a "possibilidade "de rateio aos professores. Surgiram boatos que saiu da boca do marido da prefeita, que o rateio não foi pago ainda por culpa dos vereadores, ele e a prefeita fique sabendo que agente não vai pagar do jeito que eles querem não, agente não vai autorizar um cheque em branco não, em nenhum lugar têm valor de quanto têm lá para dividir para os professores, foi a primeira coisa que os professores disseram agente, vocês vão dá um cheque em branco para a prefeita para ela pagar do jeito que ela quer? agente não, vamos analisar o projeto junto com vocês professores". Frisou.
"O pré candidato veio dizer que não foi aprovado porque os vereadores não quiseram, Neto quando um projeto chega na Câmara primeiro analisamos se o projeto está correto e depois enviamos para as comissões para dá o parecer. 
Foi entregue o projeto na Câmara, a numeração do projeto veio errada, eu olhei, lí o projeto e vi o erro, liguei para o secretário e pedir para corrigir. Eles queriam fazer um empréstimo de 3 milhões, em 26 anos de história de Casinhas nunca teve um empréstimo. Neto eles faziam o "colar colou". Disse Átila Barbosa.
"O G6 está na parceria, estamos a favor dos professores de Casinhas, estamos ao lado do povo e todas as classes de Casinhas. 
Há Município que estão pagando por direito aos Professores de 30 a 40 Mil reais, em Casinhas houve a sobra sim dos valores do Fundeb, portanto a Câmara Municipal ficará de olho no uso destes valores no ano de 2021". Disse.

Nenhum comentário

Postar um comentário

Veja também
© Todos os Direitos Reservados