Responsive Ad Slot

Últimas Notícias

latest

Recife PE: Menino de 1 ano e 5 meses morre após ser baleado por primo de 11 anos com carabina de pressão, diz polícia

14.9.21

/ por casinhas agreste

Segundo delegado, garotos de 11 e 13 anos pegaram arma que estava guardada em quarto fechado para brincar na rua, no Sítio dos Pintos, no Recife. Polícia acredita que tiro foi acidental.
G1 PE e TV Globo

Um menino de 1 ano e 5 meses morreu após ser atingido por uma munição de chumbinho na região do peito em uma rua no Sítio dos Pintos, na Zona Norte do Recife, na segunda-feira (13). O delegado Sérgio Ricardo não gravou entrevista, mas afirmou à TV Globo que um primo de 11 anos foi apontado como responsável pelo disparo, tratado como acidente.

O garoto de 11 anos, acompanhado de outro primo de 13 anos, pegou uma carabina de pressão comprada pelo pai, que estava guardada em um quarto fechado, no primeiro andar da casa, segundo a investigação. A polícia apontou que esse tipo de arma pode ser vendido.

Os três garotos estavam brincando na rua, por volta das 16h, quando houve o disparo apontado como acidental, segundo o delegado. A polícia investiga ao menos três versões de como o tiro acabou atingindo menino o mais novo.

Na primeira, a hipótese é de que o primo de 11 anos levantou a carabina e ela disparou, acertando o bebê. Uma outra versão é de que ele teria perguntado se a arma estaria carregada ou funcionando e, acreditando que não estava, teria apertado o gatilho. A terceira hipótese é de que ele apertou o gatilho para ouvir o estampido e assustar os outros.


O menino baleado foi socorrido para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Canxagá, de onde foi transferido para o Hospital da Restauração, no bairro do Derby. Segundo a comunicação do HR, ele deu entrada às 17h50 e morreu às 23h20.

O caso foi registrado pela Força Tarefa de Homicídio e Proteção à Pessoa. O delegado apontou que o pai do garoto de 11 anos foi à delegacia, mas não ficou detido. O garoto que teria feito disparo só deve ser ouvido depois, com acompanhamento especial.

Nenhum comentário

Postar um comentário

Veja também
© Todos os Direitos Reservados