Responsive Ad Slot

Últimas Notícias

latest

Mulher é suspeita de matar homem e diz que sofria ameaças e foi estuprada

19.1.21

/ por casinhas agreste

Mulher relatou ter sido estuprada pela vítima quando era adolescente.
G1 PB
Homicídio ocorreu em frente a um shopping, local de trabalho da mulher. — Foto: Walter Paparazzo/G1
Uma mulher, de 41 anos, foi presa suspeita de matar um homem, de 45 anos, em Mangabeira, na Zona Sul de João Pessoa, na manhã desta terça-feira (19), com um tiro na cabeça. Ela relatou que sofria perseguição e ameaças pelo homem, e que também teria sido estuprada por ele quando era adolescente.

A vítima utilizava tornozoleira eletrônica, possivelmente, segundo o delegado Ademir Fernandes, porque foi condenado pela morte do esposo da suspeita do crime, cometido há 3 anos. "Meu filho me disse: aquele cara foi o cara que matou o meu pai", relatou a mulher, que não havia reconhecido o homem em outras vezes que ele apareceu, porque ele estava com a aparência diferente.
De acordo com o delegado, a mulher contou que a vítima apareceu em seu local de trabalho, num boxe próximo a um shopping do bairro, no último sábado (16). "Se não fosse eu, meu filho teria matado ele", afirmou a mulher suspeita de cometer o crime.
A mulher, que tem 10 filhos, foi rendida por um homem, que trabalha como segurança e estava no local. Ela disse que estava juntando dinheiro para comprar uma moto, mas, ao sofrer ameaças e perseguição, decidiu comprar a arma, na feira de Oitizeiro, para cometer o crime.
Ela foi levada ao quartel do Corpo de Bombeiros e, de lá, encaminhada à delegacia da Polícia Civil, em Mangabeira. A polícia ouve agora o depoimento dela para conduzi-la à Penitenciária de Reeducação Feminina Maria Júlia Maranhão.

Nenhum comentário

Postar um comentário

Veja também
© Todos os Direitos Reservados