Responsive Ad Slot

Últimas Notícias

latest

Walter Borges, o Embaixador do Agreste reúne cinco Prefeitos da região em sua residência

25.12.20

/ por casinhas agreste

Walter Borges, o Embaixador do Agreste reuniu cinco prefeitos do Agreste pernambucano em sua residência no povoado do Diogo que fica na zona rural de Casinha.  Walter Borges é um dos mais notáveis articuladores político  do Agreste do Estado. Foi no Governo de Eduardo Campos, in memórian,  que Walter Borges deu início a essa mobilização de Prefeitos levando ao Palácio do Campo das Princesas as principais demandas dos prefeitos região.

É por isso que muitos têm inveja do poder de articulação dele por agilizar a aproximação dos prefeitos com o governo do Estado e Secretariados.
No encontro desta semana, esteve Presente, o Presidente da Perpart Nilton Mota, Doutor Rinaldo Jorge Corregedor do MPPE – Ministério Público de Pernambuco, a Prefeita de Surubim  Ana Célia, Prefeito de Vertente do Lério, Renato Sales, Prefeito de Casinhas  João Camelo, Nelson Prefeito eleito de Santa Maria do Cambucá e de Frei Miguelinho, Adriana Assunção.  O  Vice Prefeito de Limoeiro Marcelo Mota e a  Vereadora Tereza do Cabo, Vereadores Thomas Brito, Tereza do Cabo, Gordo de Zegue . Também marcaram presença os assessores Igor Miranda, Marinho, João Campos, Carlos Maurício Antônio Gildácio,  Gabriel Aprígio, Secretário Silvana Lima, Rose Rosa, João Brito e  Rogerio Barbosa.

O Título de Embaixador do Agreste foi uma homenagem do  ex Governador Eduardo Campos  dada a Walter Borges por representar a região e levar as demandas das cidades do Agreste ao Governador. Essa relação de amizade de Walter Borges com Eduardo foi notada quando o Governador fez questão de marcar Presença em sua residência em 03 de julho de 2011, Eduardo Campos deixou de comparecer às homenagens ao ex-presidente Itamar Franco, que morrera um dia antes, vítima de leucemia, para ir de helicóptero até o Agreste. O motivo era nobre. Havia prometido meses antes comparecer ao batizado da pequena Joana Sofia, hoje com três anos, filha de Walter. “O Palácio só veio informar que ele vinha faltando meia hora. Durante a semana eu endoidei. Mandaram uma equipe de policiais aqui, olharam o campo de futebol onde o helicóptero ia pousar, mas não diziam se ele vinha”, relembra Walter.
Foi justamente durante essas passagens que a amizade se consolidou. No dia da festa para a pequena Joana Sofia, Walter não sabia se Eduardo atenderia seu convite. “Nunca imaginei receber o governador na minha casa. No domingo, no entanto por volta das 12h30, o telefone tocou. Era ele, junto com Danilo Cabral, dizendo: ‘Olha, a gente está indo comer a galinha na tua casa agora’. Chegaram às 12h50, saíram às 17h. Passaram a tarde aqui, acompanharam o batismo na igreja, almoçaram na minha casa. Foi uma tarde onde demos muitas risadas e ele atendeu todo mundo por aqui”.
Antes de chegar a esse nível de intimidade com o ex-governador, Walter conta que se aproximou da família por intermédio do avô de Eduardo, o ex-governador Miguel Arraes. “Conheci doutor Arraes durante a campanha para o governo em 1986. O pai de Danilo Cabral (secretário de Planejamento) que é daqui de Surubim (município limítrofe a Casinhas) sempre me levava para os comícios. Eduardo era muito novo, ma sempre estava lá. Quando Eduardo foi candidato a deputado federal, eu ia a todos os eventos na região, e isso acabou nos aproximando”, revela.





Nenhum comentário

Postar um comentário

Veja também
© Todos os Direitos Reservados