Responsive Ad Slot

Últimas Notícias

latest

O Secretário de educação de Casinhas o quase doutor que venceu na vida através da educação: "É de Deus toda minha força, coragem e determinação. Sempre coloquei Deus à frente de tudo". Disse

28/10/2020

/ por casinhas agreste

"Aquele menino pobre, um dos 12 filhos vivos, de pais agricultores, que já cortaram cana, que já passaram fome para que os filhos pudessem se alimentar". Disse.

A história de vida e de superação, dedicação e desafios superados pelo Secretário de Educação de Casinhas, Givanildo Melo, o Gestor da educação que teve um olhar especial para a criança e os jovem estudantes, pais e todos os professores e funcionários da educação de Casinhas. Graças ao seu empenho e dedicação, a educação do Município alcançou um nível de qualidade na GERES de Limoeiro, no Agreste Pernambucano. Filho de agricultores, venceu na vida através da educação, conheça agora a história do quase doutor Givanildo Melo. 

É de Deus toda minha força, coragem e determinação. Sempre coloquei Deus em minha à frente de tudo. Todas as vitórias e conquistas que tive, foi de Deus!

Aquele menino pobre, um dos 12 filhos vivos, de pais agricultores, que já cortaram cana, que já passaram fome para que os filhos pudessem se alimentar, que enfrentaram tantos obstáculos que não caberiam nas páginas de um livro, que ensinaram e ensinam diariamente, a cada um de seus filhos, o caráter, a dignidade, o respeito, o amor e a bondade, têm uma história de superação que deveria servir de inspiração para muitos filhos dessa terra.

Histórias que quem acompanhou sua trajetória comprova. O quase Doutor, que já limpou mato, que já fez empreitadas, que já tirou lenha, que já carregou água em jumentos, que já bateu barro, que já ficou de baixo de um mucambo num roçado, que teve tudo para desistir, pela agressividade e dificuldades da vida em sua infância, que foi humilhado por muitos, que não tinha dinheiro se quer para comprar uma boa roupa ou comer um lanche na cantina da faculdade, que foi  estudar em Vitória de Santo Antão, passando por desafios que, como diz um ditado popular, "até Deus duvida", não foi sempre um quase Doutor.

O quase Doutor que já levou muita queda nessa vida, inclusive de moto na lama, que muitos viam, poucos ajudavam e Deus dava toda a força. O quase Doutor, que nunca fugiu das dificuldades sempre acreditou que era possível vencer na vida. Nunca baixou a cabeça para os desafios e que mostrou que é possível sim. O quase Doutor, que têm toda essa história de superação, já deu palestra para públicos de mais de 200 professores, já deu formação em mais de 20 municípios de Pernambuco e, inclusive em outros Estados, têm mostrado que é possível vencer sem pisar em ninguém, sem humilhar ninguém,  sem desejar nem fazer o mal a ninguém. 

O quase Doutor, têm Deus como sua fortaleza, como seu tudo e quem age em Deus, quem nele confia, não teme a nada e não baixa a cabeça diante da maldade e da humilhação, apenas segue firme e pede ao Deus do Universo, força para continuar superando todo e qualquer desafio. 

É importante, e, deveria ser preponderante, para alguns, que antes de falar desse quase Doutor, que ao menos procurasse saber de sua história, que não foi feita atrás de um birô, mais construída com muita garra e força de vontade, que deveria ser orgulho para muitos filhos desse chão e ser inspiração para que muitos também possam superar seus obstáculos. 

Esse quase Doutor têm grandes artigos publicados em renomadas revistas, inclusive internacionais, de qualis B1 e B2 e capítulos de livros que já orientaram muita gente no mundo acadêmico. Faço um convite a quem quiser apreciar estes, que me solicitem e disponibilizarei.

Esse relato é apenas um fragmento de tantas coisas vividas que constrói a história desse quase Doutor que vos fala, Givanildo Melo.

Muito obrigado a todos que se orgulham da história desse quase Doutor, que vibram, que torcem, que contribuem e que fizeram e fazem parte de suas lutas e conquistas.

Muito obrigado Alícia Nunes pelas palavras mencionadas em sua publicação sobre esse quase Doutor".Disse Givanildo Melo. 

Nenhum comentário

Postar um comentário

Veja também
© Todos os Direitos Reservados