Responsive Ad Slot

Últimas Notícias

latest

Sobe para oito o número de casos confirmados do novo coronavírus em Pernambuco

16/03/2020

/ por casinhas agreste
Aulas das escolas rede estadual serão suspensas a partir de quarta-feira (18), apenas nas escolas do Recife.
G1 PE
Subiu para oito, neste domingo (15), o número de casos confirmados do novo coronavírus em Pernambuco. Ao todo, segundo o governo do estado, são 127 notificações, com 47 descartes, 61 suspeitas e 11 casos prováveis. No sábado (14), foi identificado o primeiro caso de transmissão local, que é quando ainda é possível detectar o paciente transmissor.

O governo considera casos prováveis as pessoas que tiveram contato direto com pacientes que tiveram o exame confirmado para coronavírus e que apresentaram sintomas da Covid-19. As informações foram divulgadas no Palácio do Campo das Princesas, no Centro do Recife, durante reunião entre o governador Paulo Câmara (PSB) e o secretariado.

Veja o que é #FATO ou #FAKE sobre o coronavírus
Coronavírus: veja perguntas e resposta
Em relação ao boletim divulgado no sábado (14), houve o acréscimo de um caso confirmado. Segundo o secretário de Saúde de Pernambuco, André Longo, se trata de mais um caso de transmissão que ocorreu fora do Brasil.

“Esse caso é importado, de uma pessoa que passou por França e Espanha. É uma mulher, de 58 anos, moradora do Recife. Ela está em isolamento domiciliar”, afirmou o secretário.

Ainda de acordo com Longo, um dos casos negativados neste domingo (15) foi o da irlandesa que estava a bordo do navio Silver Shadow, isolado no Porto do Recife depois que um idoso de 78 anos foi internado e teve o exame positivo para a Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus.

“Também estávamos investigando o caso da empregada doméstica do casal que viajou para a Itália e teve exames confirmando o coronavírus. Ela [a doméstica] testou negativo para o novo vírus, mas positivo para um antigo tipo de coronavírus, que não tem a ver com a Covid-19. Por causa disso, em sete dias, teremos que repetir”, afirmou o secretário.

De acordo com o governador Paulo Câmara, o aumento do número de casos já era esperado. “A gente está trabalhando num cenário de os casos, desde o primeiro, serem ampliados. Não temos nenhum caso que não se saiba de onde veio a transmissão e só temos uma transmissão por contato com outra pessoa. Isso faz com que as medidas tenham algum alcance, mas fiquem, majoritariamente, restritas ao Recife”, afirmou o governador.

Desde a sexta-feira (13), Pernambuco tem realizado os próprios exames para diagnosticar o novo coronavírus. Foram enviados, pelo Ministério da Saúde, 240 kits de testagem rápida e os profissionais foram capacitados para realizar o diagnóstico.

“Nossa meta é ampliar a testagem em Pernambuco. Temos acompanhado o crescimento da necessidade de mais exames e vamos repor os kits para que fiquemos preparados. Desde a sexta, já estamos fazendo os exames aqui e isso deu uma velocidade nos descartes. Já estamos com oito casos confirmados e, com esses diagnósticos, as ações poderão acontecer de forma mais ordenada”, declarou Paulo Câmara.

Aulas suspensas
Neste domingo (15), oito universidades e instituições de ensino técnico suspenderam as aulas. A medida ocorreu depois que a prefeitura do Recife decidiu suspender as aulas a partir da quarta-feira na rede municipal.

O secretário André Longo afirmou que, na rede estadual, a recomendação é de seguir a recomendação da autoridade sanitária municipal.

“As escolas estaduais do Recife também fecharão, porque o Sistema Único de Saúde tem seus níveis de hierarquia e a autoridade sanitária do Recife decidiu pela interrupção das aulas, o que o estado vai seguir. Não vemos ainda nenhum respaldo técnico para interromper as aulas fora do Recife. Estamos avaliando isso todos os dias, mas não tem sentido nenhum interromper as aulas onde sequer teve um caso suspeito”, declarou André Longo.

Participaram da reunião com o governador os 27 secretários estaduais. Na segunda-feira (16), haverá uma reunião com os prefeitos das 15 cidades do Grande Recife, com a Associação Municipalista de Pernambuco (Amupe) e com a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) sobre o coronavírus.

Universidades
Universidades e instituições de ensino técnico públicos de Pernambuco decidiram suspender as aulas, a partir de segunda-feira (16), devido à pandemia mundial. O anúncio foi feito durante reunião no Recife. Também esteve presente a Universidade Católica de Pernambuco (Unicap), que, apesar de privada, seguiu a decisão.

A previsão de reavaliação da suspensão é para o dia 31 de março. A decisão afeta a Universidade de Pernambuco (UPE), a Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE), Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf), Universidade Federal do Agreste de Pernambuco (Ufape), Universidade Católica de Pernambuco (Unicap) e Instituto Federal de Pernambuco (IFPE) e o Instituto Federal do Sertão Pernambucano (IF Sertão).

Rede municipal
Prefeitura do Recife suspende aulas por causa do novo coronavírus

Ainda neste domingo (15), a prefeitura do Recife anunciou a suspensão das aulas na rede municipal e determinou que escolas e faculdades privadas também suspendam as atividades, a partir da quarta-feira (18). A medida é uma das dez ações anunciadas pela prefeitura para o plano de contingência contra o coronavírus (veja vídeo acima).

O prefeito Geraldo Júlio (PSB) também informou que, para garantir a alimentação dos estudantes da rede municipal, os pais e responsáveis poderão recolher, nas escolas, kits de alimentação, semanalmente distribuídos.

Cruzeiros, voos e eventos
O prefeito do Recife também informou que vai solicitar à Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) o cancelamento de todos os voos internacionais para o Aeroporto Internacional dos Guararapes/Gilberto Freyre, na Zona Sul, a partir da sexta (20).

Estado adia Paixão de Cristo, suspende eventos e manda fechar portões para o futebol

No sábado (14), o governo de Pernambuco publicou um decreto que proíbe a realização de eventos com público maior que 500 pessoas no estado. Também anunciou o adiamento da Paixão de Cristo de Nova Jerusalém, em Brejo da Madre de Deus, no Agreste, que passou para o período de 2 a 7 de setembro de 2020. Jogos de futebol serão realizados com portões fechados (veja vídeo acima).

Desde a sexta (13), o governo também proibiu a atracação de cruzeiros, por causa dos dois passageiros internados com suspeita da Covid-19. Um deles, um idoso de 78 anos, teve o diagnóstico confirmado no sábado.

Navio retido
Navio Silver Shadow está retido no Porto do Recife desde a quinta-feira (12) — Foto: Marlon Costa/Pernambuco PressNavio Silver Shadow está retido no Porto do Recife desde a quinta-feira (12) — Foto: Marlon Costa/Pernambuco Press
Navio Silver Shadow está retido no Porto do Recife desde a quinta-feira (12) — Foto: Marlon Costa/Pernambuco Press

O navio de cruzeiro Silver Shadow, de bandeira bahamenha e com 609 pessoas a bordo, está retido no Porto do Recife desde a quinta-feira (12), quando um passageiro foi retirado da embarcação com sintomas do novo coronavírus. O canadense, de 78 anos, é um dos casos confirmados no estado, no sábado. Ele está internado no Hospital Português, na área central do Recife.


Outra passageira do navio, uma irlandesa, ainda aguarda, na mesma unidade hospitalar, o resultado do exame. Ela teve febre e dificuldade para respirar. Na embarcação estão, de acordo com o governo do estado, dez brasileiros. Entre os viajantes, há alemães, americanos, canadenses, ingleses e australianos, totalizando 18 nacionalidades.

No sábado (14), a Anvisa inspecionou o navio e não registrou novos casos suspeitos de coronavírus. Segundo declaração do coordenador regional da Anvisa, Olimar Cardoso dos Santos, no sábado, tratativas estão sendo realizadas para saber qual será o procedimento adotado para o navio.


Nenhum comentário

Postar um comentário

Veja também
© Todos os Direitos Reservados