Responsive Ad Slot

Últimas Notícias

latest

Com reforços em campo, Sport vence primeira em 2020 na reestreia pela Copa do Nordeste

26/01/2020

/ por casinhas agreste
Após queda da punição da CNRD, Leão escala seus novos contratados, entre eles, Leandro Barcia, que marcou o gol da vitória, no Rei Pelé
 Yago Mendes /Diario de Pernambuco


Uma estreia muito esperada. Era assim que se apresentava a partida entre CSA e Sport, clube pernambucano que retornava à Copa do Nordeste após se retirar da competição e passar as edições de 2018 e 2019 apenas assistindo ao torneio regional. E, mesmo longe do ideal, o primeiro jogo do Leão trouxe o primeiro triunfo em 2020. Após vir de dois empates pelo campeonato estadual, o Rubro-negro bateu o CSA, fora de casa, por 1 a 0, com gol de Leandro Barcia. 

Saiba mais
Guto crava revezamento de goleiros no Sport e pede calma sobre formação de time ideal
Guto crava revezamento de goleiros no Sport e pede calma sobre formação de time ideal
Atuações: Na estreia dos reforços e na volta ao Nordestão, Sport conta com Barcia decisivo
Atuações: Na estreia dos reforços e na volta ao Nordestão, Sport conta com Barcia decisivo
Com o resultado, o Sport assume a liderança temporária do grupo A da Copa do Nordeste, com três pontos conquistados. O Leão volta a campo pelo regional no próximo sábado, às 16h, em casa, diante do Vitória. Pelo Estadual, o Rubro-negro joga na Arena de Pernambuco, contra o Central, na próxima terça-feira.
O jogo
Novecentos e setenta e seis dias. Este foi o tempo entre o segundo jogo da final de 2017, última partida do Sport na Copa do Nordeste, e a partida diante do CSA na estreia do Nordestão 2020. A partida também marcou a estreia de grande parte dos reforços de ambas as equipes na temporada, o que contribuiu para um jogo morno nos primeiros minutos. 

Enquanto o Sport buscava manter a posse de bola do meio para a frente, o CSA investia em contra-ataques rápidos pelas alas, especialmente, do lado esquerdo com as subidas do lateral Rafinha. Inclusive, a primeira grande chance da partida saiu dos pés do ala esquerdo do Azulão, que bateu com violência falta da entrada da área para boa defesa de Luan Polli.  

Com o caminhar do tempo, o time rubro-negro, com maior entrosamento, uma vez que manteve boa parte da base do ano passado, passou a controlar o ritmo do jogo na primeira etapa, mas sem conseguir transformar esse domínio em chances efetivas de perigo ao gol defendido por Caíque.
Segundo tempo
A segunda etapa começou em ritmo frenético. Na volta do intervalo, o CSA começou a pressionar o Sport no seu próprio campo em busca de abrir o placar jogando em casa. O Leão, por sua vez, se fechou um pouco mais ficando em estado de alerta para puxar o contra-ataque. E na primeira oportunidade, aos quatro minutos, o Rubro-negro abriu o placar. Elton recebeu bola na esquerda, arrancou em velocidade como se fora um ponta e encontrou Leandro Barcia, livre, que cabeceou para estufar as redes de Caíque e colocar os pernambucanos na frente. 

Copa do Nordeste
@CopaDoNordeste
GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL DO @sportrecife!

O LEÃO DA ILHA ABRE O PLACAR NO REI PELÉ! É DEFINITIVO, TORCEDOR: O SPORT ESTÁ DE VOLTA À COPA DO NORDESTE! O TRICAMPEÃO VOLTOU!#CSAxSportNoLiveFC
Vem com a gente assistir a esse jogo AO VIVO no LiveFC: http://bit.ly/37cpBgC 

Vídeo incorporado
547
19:11 - 25 de jan de 2020
Informações e privacidade no Twitter Ads
127 pessoas estão falando sobre isso

Atrás no placar, o CSA fez suas três alterações antes dos 25 minutos para tentar empatar o jogo. O técnico Maurício Barbieri sacou Geovane, Renatinho e Gustavo Schutz para as entradas de Jean Kleber, Jarro Pedroso e Bruno José. Porém, as alterações não tiveram efeito imediato, pois o time alagoano continuou investindo em cruzamentos e bolas paradas, já que a marcação do Sport estava muito bem encaixada no meio-campo. 

Controlando bem o jogo, o técnico do Sport, Guto Ferreira, foi aproveitando a partida para fazer testes ao longo do segundo tempo. Acionou Betinho e Ewandro nas vagas de Jean Patrick e Yan, que saíram cansados. O time rubro-negro após o gol passou a se preocupar mais em fechar os espaços defensivamente e partir para o ataque apenas em boas oportunidades para o contragolpe. 

No fim da partida, Guto Ferreira ainda acionou o volante Alê Santos para segurar o ímpeto final do CSA, na vaga do uruguaio Leandro Barcia. Assim, sem sustos, o Sport conseguiu sua primeira vitória do ano em sua reestreia na Copa do Nordeste. 
Ficha do Jogo
CSA 0
Caíque; Norberto, Alan Costa, Luciano Castán, Rafinha; Geovane (Jean Kleber), Yago e Renatinho (Jarro Pedroso); Rafael Bilu, Rodrigo Pimpão e Gustavo Schutz (Bruno José). Técnico: Maurício Barbieri

Sport 1
Luan Polli; Raul Prata, Adryelson, Cleberson, Sander; Willian Farias, Jean Patrick (Betinho) e Lucas Mugni; Yan (Ewandro), Leandro Barcia (Alê Santos) e Elton. Técnico: Guto Ferreira

Local: Estádio Rei Pelé, em Maceió
Árbitro: Zandick Gondim Alves Junior (RN)
Assistentes: Flávio Gomes Barroca e George Antas Nogueira (ambos RN)
Cartões amarelos: Alan Costa, Yago e Rafinha (CSA); Elton, Willian Farias, Jean Patrick e Luan Polli (Sport)
Gols: Leandro Barcia aos 4 minutos do 2º tempo (Sport);

Nenhum comentário

Postar um comentário

Veja também
© Todos os Direitos Reservados