Responsive Ad Slot

Últimas Notícias

latest

Em Casinhas, Rejane de Oliveira foi morta após negar relacionamento com homem em um bar no Sítio Catolé

Jovem é morta após negar relacionamento com homem em bar no Agreste
Foto: reprodução facebook
 NE10 Interior

Rejane de Oliveira Silva, 24 anos, foi morta por não querer se relacionar com suspeito

Uma jovem foi assassinada a facadas na noite dessa terça-feira (1º) dentro de um bar no Sítio Catolé, na zona rural de Casinhas, no Agreste de Pernambuco.

De acordo com a Polícia Militar, Rejane de Oliveira Silva, 24 anos, teria sido morta porque não quis se relacionar com o suspeito do crime. A PM não informou se os dois já se conheciam.

Segundo a polícia, o cobrador Joseildo da Silva Oliveira, 42, atingiu a vítima com um golpe de faca de mesa no tórax. Ela chegou e ser levada para a Unidade Mista Cecília Leal de Miranda, que fica no município, mas não resistiu aos ferimentos e faleceu.

O suspeito foi preso após o feminicídio e levado à Delegacia Seccional de Limoeiro, onde passará por audiência de custódia nesta quarta-feira (2). O corpo da vítima foi levado para o Instituto de Medicina Legal (IML) de Caruaru, também no Agreste.

Feminicídio também em Bezerros
O assassinato de Rejane foi o segundo feminicídio do Estado no ano de 2019. Na madrugada de terça-feira, uma mulher foi morta com um golpe de facão no pescoço no Sítio Serra Negra, em Bezerros, também no Agreste. O suspeito de cometer o crime é o companheiro dela.


Nenhum comentário

Postar um comentário

Veja também
© Todos os Direitos Reservados