Responsive Ad Slot

Últimas Notícias

latest

Central faz história, vence o Sport e está na final do Pernambucano


A Patativa venceu por 1x0, com gol do atacante Leandro Costa

Sport não joga bem e vê o Central fazer história
Foto: Alexandre Gondim/ Sport
Filipe Farias

O Central fez história. De maneira heroica, a Patativa não se intimidou diante do poderoso Sport e conseguiu a classificação inédita à final do Pernambucano, após vencer por 1x0, nesta quarta-feira (21), no estádio Luiz Lacerda. O herói da partida foi o atacante Leandro Costa, que marcou aos 14 minutos do 2º tempo.

Agora, o alvinegro caruaruense espera o vencedor da partida entre Náutico x Salgueiro, que se enfrentam no próximo domingo (25), às 16h, na Arena de Pernambuco.
 Jornal do Commercio

O JOGO
Assim como todo bom enredo de uma decisão, Central e Sport começaram a partida se estudando bastante. Os primeiros minutos de jogo foram de muita cautela. Ninguém queria se expor para não correr o risco de sair atrás do placar. Ao contrário do que se esperava, a Patativa não se intimidou diante do maior vencedor Estadual de Pernambuco e jogava de igual para igual com o Leão.

Tanto que as primeiras oportunidades de gol foram criadas pelos donos da casa. Aos 14 minutos, Charles cobrou falta lateral direto para a meta rubro-negra, mas Magrão, atento, espalmou afastando o perigo. Aos 18 foi Júnior Lemos que cabeceou sozinho assustando o camisa 700 leonino. O Sport só respondeu aos 21, com bela triangulação pela esquerda entre Marlone, Sander e Índio... O prata da casa recebeu na entrada da área e acabou chutando cruzado pela linha de fundo.
Na volta para a segunda etapa, Nelsinho apostou na entrada de Everton Felipe (que não atuava há seis meses) no lugar de Índio para tentar ter mais criatividade na ofensiva. Já o Central manteve a empolgação e retornou sem baixar a guarda. O ímpeto do time centralino inibia os rubro-negros, que não mostravam força para incomodar o goleiro França.



Melhor em campo, os alvinegros caruaruenses não demorariam para dar o bote fatal. Aos 14, Júnior Lemos cruza na área, Leandro Costa divide com Ronaldo Alves e a bola corre pela linha de fundo. Itacaré acredita na jogada, ganha na velocidade de Magrão e cruza voltando para o próprio Leandro Costa empurrar para as redes: 1x0.

Após o gol, a Patativa diminuiu o ritmo e passou a administrar o resultado. O Sport, abatido, seguia sem demonstrar condições de reverter a situação adversa. E acabou vendo o Central se classificando pela primeira vez à final do Pernambucano.
Central

França; Dudu Gago, Danilo Quipapá, Vitão e Charles; Douglas Carioca (Graxa), Eduardo Erê, Fernando Pires e Júnior Lemos (Issa); Leandro Costa e Itacaré (Lucas Silva). Técnico: Mauro Fernandes.

SPORT

Magrão; Raul Prata, Ronaldo Alves, Léo Ortiz e Sander (Capa); Anselmo, Neto Moura (Fellipe Bastos) e Gabriel; Marlone, Thomás e Índio (Everton Felipe). Técnico: Nelsinho Baptista.

Local: Luiz Lacerda, em Caruaru.
Árbitro: Ricardo Marques (MG/Fifa).
Assistentes: Guilherme Camilo (MG) e Neusa Back (SC), ambos Fifa. 
Gols: Leandro Costa, aos 14 minutos do 2º tempo.
Cartões amarelos: Douglas Carioca, Eduardo Erê, Júnior Lemos (CEN) e Anselmo, Thomás, Fellipe Bastos (SPO).
Cartão Vermelho: Fellipe Bastos (SPO).

Nenhum comentário

Postar um comentário

Veja também
© Todos os Direitos Reservados