Responsive Ad Slot

Últimas Notícias

latest

PERNAMBUCO: Polícia encontra provas de atuação de quadrilha no concurso do TJPE; confira

Polícia encontra provas de atuação de quadrilha no concurso do TJPE; confira
Quadrilha é investigada na ‘Operação Gabarito’, que, na sua quarta fase, em tramitação desde agosto, já conseguiu analisar, segundo a Polícia Civil, mais de 15 mil arquivos digitais de membros dela


Central de Polícia em João Pessoa
A Delegacia de Defraudações e Falsificações (DDF) da Polícia Civil da Paraíba descobriu provas concretas de atuação de membros de organização criminosa especializada em fraudes a concursos públicos no certame do Tribunal de Justiça de Pernambuco, realizado no último domingo (15). Os policiais encontraram evidências do crime através de conversas de WhatsApp entre suspeitos, que se mostravam otimistas quanto ao sucesso no golpe. Em uma das falas, chegaram a dizer “dessa vez é praticamente impossível dá (sic) errado”. Confira imagens abaixo.
 Portal Correio

A quadrilha é investigada na ‘Operação Gabarito’, que, na sua quarta fase, em tramitação desde agosto, já conseguiu analisar, segundo a Polícia Civil, mais de 15 mil arquivos digitais de membros dela. Alguns concursos são mantidos sob sigilo, em face da continuidade das investigações. 

“A operação gabarito já identificou mais de 100 concursos fraudados pela organização criminosa. As diligências atuais permitiram identificar 40 membros da organização, que atuam em diversos estados do Brasil, e mais de 200 candidatos beneficiados pelo esquema. A Polícia Civil da Paraíba está adotando todas as medidas cabíveis para a exclusão dos beneficiados em todos os concursos identificados e para a prisão dos membros da quadrilha que ainda estão em liberdade”, disse o delegado titular da DDF, Lucas Sá.

Nas imagem em destaque nesta matéria, pode-se ver um trecho de conversa entre suspeitos que combinavam a aplicação de fraude, também em concurso da Universidade Federal da Bahia. Um dos investigados em questão, segundo Lucas Sá, é um dos líderes do bando. O outro, do estado de Pernambuco, ainda está em liberdade. 

Confira imagens:




Nenhum comentário

Postar um comentário

Veja também
© Todos os Direitos Reservados