Responsive Ad Slot

Últimas Notícias

latest

TRT condena PSB e empresários a indenizar família de piloto de Eduardo Campos

Causa total está estimada em R$ 2 milhões. PSB promete recorrer
Avião usado na campanha presidencial de Eduardo Campos caiu em agosto de 2014 / Foto: AFP
Avião usado na campanha presidencial de Eduardo Campos caiu em agosto de 2014
Foto: AFP
Aline Araújo
O Tribunal Regional do Trabalho de São Paulo (TRT-SP) condenou o PSB, a AF Andrade Empreendimentos e Participações e os empresários João Carlos Lyra Pessoa de Mello Filho e Apolo Santana Vieira, a pagarem débitos trabalhistas, mais indenizações por danos materiais e morais, à família do piloto Marco Martim que morreu a bordo da aeronave que caiu em 2014, em São Paulo, matando também o ex-governador de Pernambuco Eduardo Campos e outras cinco pessoas. A causa total está estimado em R$ 2 milhões. Defesa da família dos pilotos ainda aguarda julgamento da sentença do copiloto Geraldo Magela.

Além dos débitos trabalhista, o juiz Samuel Batista de Sá, da 45ª Vara do TRT-SP, condenou partido e empresários por "omissão culposa", por contratarem pilotos sem a instrução necessária para pilotar a aeronave, afirmando ainda que Marcos Martins "estava submetido a uma forte pressão para dar conta do cumprimento da agitada agenda de compromissos do então candidato Eduardo Campos".

Nenhum comentário

Postar um comentário

Veja também
© Todos os Direitos Reservados