São João de Aroeras dia 23

Noivo chega de paraquedas, quebra pé e diz 'sim' de muleta em casamento


Problema na aterrissagem fez noivo fraturar ossos, em Manaus. 
Cerimônia marcada para 17h30 ocorreu 21h30 por conta de acidente.
Jamile Alves
Do G1 AM

Uma aterrissagem de paraquedas, seguida por luxação e fraturas no pé marcaram o casamento dos médicos Danny e Érica Gama. No sábado (26), a entrada do noivo foi o fator surpresa da cerimônia realizada no Aeroclube de Manaus. Entretanto, um problema na hora do pouso mudou o roteiro da noite. O impacto da descida causou luxação e fraturas em ossos do pé. Após anestesia geral, um procedimento de colocar ossos luxados no lugar e muita dor, Danny voltou à festa para levar a noiva ao altar.
Na manhã deste domingo (26), as alianças de Danny e Érica já estavam, finalmente, na mão esquerda. Mas houve quem duvidou de que isso se concretizaria ainda na noite anterior. No aeroclube de Manaus, situado na Zona Centro-Sul, familiares, amigos, a banda, o juiz de paz e a noiva esperaram aflitos o desfecho da noite, uma das mais memoráveis da história de amor dos noivos. O acidente ocorreu por volta de 17h30 e o "sim" dos noivos só pode ser ouvido às 21h30.
Danny e Érica Gama se casaram após noivo ter fraturas ao descer de paraquedas na cerimônia  (Foto: Luciano Oliveira )
Danny e Érica Gama se casaram após noivo ter fraturas ao descer de paraquedas na cerimônia (Foto: Luciano Oliveira )
“Tanto eu quanto ela curtimos esportes radicais e a ideia surgiu naturalmente. Eu salto há um ano e meio e nunca tinha acontecido nada. Nós não tivemos cerimonialista, então o evento contou muito com a ajuda de amigos. No dia do casamento mesmo nós tivemos que trabalhar bastante para organizar tudo. É muito provável que o acidente tenha ocorrido pela soma do estresse, com o nervosismo do momento”, contou Danny Gama, de 30 anos.
A cerimônia estava prevista para começar ao pôr do sol. Danny e os padrinhos chegariam de paraquedas, enquanto o avião de Érica taxiaria na pista de pousos para a primeira aparição, logo em seguida.
“Quando coloquei os pés no chão eu já sabia o que tinha acontecido. Eu cumprimentei quem estava lá embaixo e já fiquei deitado. Fiz de tudo para não preocupá-la, tentaram esconder, mas ela descobriu e eu acabei vendo o vestido antes do casamento”, brincou Danny.
 Danny e Érica Gama se casaram após noivo ter fraturas ao descer de paraquedas na cerimônia (Foto: Arquivo Pessoal)
Danny e Érica Gama se casaram em Manaus
(Foto: Arquivo Pessoal)
O noivo recebeu os primeiros socorros da equipe de profissionais do aeroclube e foi encaminhado para um hospital particular nas proximidades. No local, ele recebeu a notícia de que teve uma luxação da tíbia e no talo, além de duas fraturas em cada maléolo, ossos do pé.
“Eu queria ficar lá. Eu queria me casar. O tio dela é ortopedista e falou que a situação estava feia, que a fratura estava bem evidente e que eu tinha que ir para o hospital e, se desse, eu voltava. Lá no hospital me levaram para o centro cirúrgico me sedaram, eu peguei anestesia geral e colocaram os ossos no lugar. Eu acordei e voltei para lá”, relembrou.
A entrada de paraquedas deu lugar à entrada de muletas. No altar, já casados, Danny fez uma serenata para Érica – sentado e com o pé bem descansado. “Eu estava ‘grogue’ ainda, talvez tenha errado algumas notas no violão. Mas foi fantástico. Foi uma reunião de coisas sensacionais que se sucederam ao fato chato. O juiz de paz tinha outros casamentos e precisou ir embora. Nesse meio tempo arranjaram até um padre, mas depois o juiz voltou porque disse que fazia questão de nos casar. Quando voltei todos estavam lá, fazendo festa, muito emocionados. A Érica é alguém fora do comum”, contou.
Padrinhos dos noivos também desceram de paraquedas  (Foto: Luciano Oliveira)
Padrinhos dos noivos também desceram de paraquedas (Foto: Luciano Oliveira)
Após as desventuras, Danny e Érica, enfim, se casaram. Ao lado do esposo, Érica Gama resume o casório como uma cena do filme “Questão de Tempo”, do diretor e roteirista Richard Curtis. No longa, um dos personagens tem o poder de voltar no tempo e mudar momentos da vida que não deram muito certo.
“No casamento deles [personagens], o noivo fala para ela ‘poxa, deu tudo errado’. Ela só respondeu falando ‘sério? Eu adorei’. Esse é o resumo do nosso casamento. Algumas coisas acontecem porque têm que acontecer. Eu acredito que foi tudo bem abençoado, sentimos muita energia de todos. Foi lindo, foi a nossa cara”, completou Érica.

Reacções:
← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

AO VIVO SÃO JOÃO DE AROERIAS